Mês: agosto 2017

Valorize quem está próximo!

Enfrentar mudanças e provações já são difíceis o suficiente quando se está sozinho. Um companheiro(a) que não entende o processo de adaptação e não acredita no objetivo que traçamos pode, por vezes, tornar a jornada impossível.

Entretanto, o contrário também se aplica. Ter alguém com quem dividir os sonhos e metas, alguém que acredita mais em você que você mesmo, uma pessoa que te acompanha nos momentos mais turbulentos e desesperançosos. Tudo isso são momentos para os quais o dinheiro que conquistará jamais se equivalerá. Por isso,  valorize muito a pessoa que está ao seu lado, seja ela: esposa, marido, namorado, namorada, filho(a), amigo(a), etc.

Deixe claro o papel importante que ela desempenha em sua jornada rumo a melhores resultados financeiros. Lembre-se que a pessoa que está contigo nos momentos de desespero, perdas financeiras, maus trades, operações perdedoras ou desânimos para com as escolhas, é aquela que te ama de verdade.

É fácil apoiar alguém na vitória, mas poucos estão conosco nas derrotas e durante a construção do sucesso.

Valorize agora quem está ao seu lado!

Conhece a meditação “Mindfulness”

Nesta última quinta-feira de manhã, roubaram meu carro (furto). Já à noite, quando comentei o fato a um cliente, este logo falou: “Nossa… você deve estar devastado! ” Respondi que não, pois de nada adiantaria estar sem carro e emocionalmente mal, até porque não acontecera nada comigo ou com alguém querido. Percebi pelo olhar que ele não havia compreendido meu sentimento (ou falta de).  Claro que não estava feliz, mas já me bastava um problema, não precisava criar outros por descontrole emocional. Assim, hoje vamos falar de uma ferramenta de intervenção na vida que é também uma atitude de mudança: “Mindfulness

 Uma tradução amplamente divulgada seria “Atenção Plena”. Mindfulness é uma poderosa ferramenta para promoção de uma mente focada e tranquila. Essa técnica foi desenvolvida pelo médico norte-americano Jon Kabat-Zinn, diretor da Stress Reduction Clinic, no Centro Médico da Universidade do Massachusetts. Kabat-Zinn estudou o zen budismo e criou um protocolo meditativo despido de tradições espirituais, habilitando que qualquer pessoa, independente de professar alguma religião, possa usufruir da técnica.

A ideia é simples, porém exige disciplina para o aprendizado já que o programa Mindfulness completo é composto por uma série de etapas. Porém, para que você possa iniciar essa experiência, convido-o a seguinte prática: Sente-se em silêncio todos os dias por cerca de 10 min, perceba de forma consciente todo seu corpo e concentre-se em sua respiração. Deixe, gentilmente, que todos os pensamentos que surgirão, passem por sua mente e a deixem, voltando sempre sua atenção à respiração. Pratique essa meditação uma vez ao dia. Já nos momentos de estresse do dia-dia, pare e volte sua consciência para sua respiração por alguns segundos. Assim, você deixa de ser meramente reativo às situações e passa a assumir uma postura de ação consciente.

Um dos fatores que mais atrapalham a performance de um trader é a chamada ‘Mente Inquieta”. O principal motivo é o excesso de pensamentos que nos tiram no momento presente. Preocupações advindas do passado: “Será que deveria ter feito isso? Ah, mas se eu tivesse feito de outro jeito, então…”. Ou, que nos transportam para o futuro: “Quando eu conseguir ganhar tanto, então minha vida vai ser… Será que vai dar certo mesmo? ”

O Passado deve servir como forma de aprendizado, o Futuro como motivador de boas expectativas. É no Presente (no agora) que está a vida de fato.

Deixe nos comentários se você já medita e sua avaliação dessa técnica.

Psicologia Financeira te deseja uma tranquila e equilibrada!

Saiba qual seu Perfil Trader!

Entenda os 5 tipos de trader no mercado financeiro

“Se você não sabe quem você é, o mercado de financeiro é um lugar caro para descobrir”. -George Goodman (1959)*

De acordo com o psicólogo e trader americano, Dr. Kenneth Reid, Ph.D. (DaytradingPsychology.com), ter consciência de seu perfil é essencial para o alcance da consistência nos ganhos.

Dr. Reid formulou cinco categorias como recorrentes entre os operadores. Em inglês formam o acrônimo “AWARE” ou “CONSCIENTE” *.

Agrarian (Farmer) = Agricultor*

Warrior = Guerreiro*

Artist = Artista*

Realist = Realista*

Engineer = Engenheiro*

Agricultores: Pacientes, tendem a repetir métodos simples que funcionam para eles. Seguem bem tendências (alta/baixa) e são o exemplo de consistência. Entretanto, como valorizam o trabalho duro, esperam também um retorno alto e podem se tornar desencorajados com a aleatoriedade dos resultados financeiros do mercado.

Guerreiros: São extremamente corajosos e capazes de enxergar oportunidades onde outros veem somente risco. Encaram o mercado de “peito aberto” e aguentam bem a pressão.  No entanto, guerreiros tendem a “fazer médio contra” e os chamados “trades vingança”, devolvendo os ganhos e/ou entregando muito dinheiro ao mercado.

Artista: Os artistas são flexíveis, adaptáveis ​​e criativos. Onde os outros veem aleatoriedade, Artistas encontram padrões a explorar. O risco para os artistas é que, geralmente, improvisam demais e fazem muitos “trades intuitivos” deixando a técnica de lado, não chegando a lugar algum.

Realista: Abordam os trades de foma pragmáica, como uma empresa, calculando diariamente o Retorno Sobre o Investimento (ROI). Eles não se importam em estar certos ou em saber o porquê de um método funcionar. Para eles, ganhar dinheiro é o que vale. Realistas, no entanto, podem cair em depressão durante os períodos de perdas sistemáticas.

Engenheiro: Esses traders têm predominatemente uma mente lógica e racional. Apaixonados por planilhas, tendem a ser perfeccionistas. Levam uma precisão metódica para as operações, mas por vezes sentem dificuldades em mudar para um mindset probabilístico. São fortes candidatos a sofrer a chamada “paralisia por análise”, ou seja, conjecturar tantas variáveis que acabam por não entrar nas operações.

Prof. Reid lembra que, possivelmente todo trader manifesta características de todos os cinco arquétipos, mas que sempre há algum que se destaca no perfil.

À medida que o trader amadurece há um balanceamento dos atributos, entretanto isso pode levar anos. Por meio de um esforço consciente, pode-se alcançar melhores resultados com tempo reduzido.

E você? Qual seu perfil trader? Comente abaixo! Deixe suas dúvidas e sugestões para os próximos textos.

Abraços e bons trades!

Mude suas Estratégias no Mercado Financeiro

A publicação desta semana vem de uma declaração feita por um cliente: “Já faz anos que foco em ter sucesso profissional e receber bem por isso, mas parece que não consigo nada, o dinheiro nunca vem, acho que não tenho sorte mesmo…”.

Bem, primeiramente, sorte ou azar são variáveis atuantes, mas pouco acessíveis ao nosso controle. Pergunte a um atleta profissional de sucesso o que ele pensa sobre sorte e provavelmente lhe dirá: “Sorte é interessante, quanto mais treino minha prática, mais sorte pareço ter”. O que trabalhei com esse cliente e deixo nessa semana para você é: Só mudamos aquilo que controlamos, e nosso comportamento está passível disso.

O foco de nossas ações devem ser, em primeiro nível, as próprias ações. Assim, estabelecer alvos baseados em desejos, é apenas sonhar. Seu objetivo não deve ser apenas ganhar mais dinheiro, pois este é um dos fins possíveis. O foco deve ser estabelecido para os meios: conseguir um emprego melhor, gerenciar com qualidade o tempo, gerir com mais profissionalismo uma empresa, abrir uma franquia, operar com mais determinação e disciplina no mercado de ações ou futuros, etc.

Tenha seus objetivos respaldados por metas de curto e médio prazos.

Foque nos processos, gerencie suas emoções, transforme sua ansiedade em autodeterminação.

Após vários clientes atendidos, constatei que a impulsividade na tomada de decisões é o maior empecilho ao desenvolvimento emocional e, consequentemente, à melhoria da performance pessoal e financeira, levando muitos a desistirem de seus sonhos já quando estão muito próximos do sucesso.

Reflita: “Seus resultados estão atrelados a você como um todo, física e psicologicamente, um reflete e depende do outro”. Ou como um outro cliente resumiu nossa sessão: “Uma Ferrari com motor de fusca, pode até parecer uma Ferrari, mas enquanto não for arrumada nunca se comportará como uma”.

Deixe abaixo seus comentário e sugestão para a próxima semana. Caso queria, sinta-se à vontade para enviar nos um e-mail no: psicologianomercadofinanceiro@gmail.com

Excelente semana a você!

Saia da Espiral Negativa

A partir da entrada em um encadeamento de comportamentos malsucedidos, nasce um padrão de sentimentos autodepreciativos os quais levam a mais insucessos. Essa retroalimentação negativa é o que caracteriza a conhecida “Espiral Negativa”.

O primeiro passo para evitar a descida é reconhecer esse estado ainda no início. A parte fisiológica do nosso corpo dá os primeiros sinais evidentes: suor, calor ou frio excessivos, boca seca, ânsias, dor na nuca, palpitações intensas, irritação, entre outras.

Posteriormente veem os sentimentos de culpa, rejeição e autodepreciação. Uma forma de se proteger é afastar-se do agente causador do mal-estar. Pare, reflita e avalie seu comportamento nos últimos instantes. Evite pensamentos coercitivos ou revanchistas. Guarde a raiva e use a razão. Utilize seu histórico e experiências pessoais positivas e das quais tem orgulho como agentes fortalecedores.

Existem situações nas quais não é possível se afastar do agente causador de forma imediata, para isso há técnicas e acompanhamento psicológico-comportamental que auxiliarão no reconhecimento da “Espiral Negativa” e a se afastar dela com menos dano psicológico e financeiro.

Lembre-se: O mercado financeiro não te deve nada, mas te proverá muito, se souber viver para pegar.

Obs.: A Espiral Negativa não acomete apenas pessoas que trabalham com o mercado financeiro, ela está presente em nosso dia-a-dia, independentemente de sua profissão.

Se quiser mais informações, entre em contato: psicologianomercadofinanceiro@gmail.com

Melhore seu Emocional

Ao se almejar mudanças na situação econômica e financeira, faz-se necessária, um acompanhamento psicológico a fim de se conquistar as metas traçadas.

Toda e qualquer mudança na gestão financeira deverá ser acompanhada por alterações de hábitos e ações no dia-a-dia.

Alterações no estilo de vida, seja de restrição de despesas, busca de novas receitas ou alterações nas alocações de recursos, impactam diretamente no estilo de vida de cada um.

Por isso, criei este espaço para compartilhar as melhores dicas com você!

Continue acompanhando o @psicologiafinanceira e tire todas as suas dúvidas sobre o mercado financeiro!

Visualize seus objetivos!

Visualizar seus objetivos e metas como se estivesse vivenciando o momento no qual executa a ação, é uma excelente forma de potencializar seu desempenho. Para isso, uma técnica extraordinária é a auto-hipnose.

Essa técnica pode conduzi-lo ao transe hipnótico, um estado alterado da consciência, e uma poderosa ferramenta de concentração e visualização. Este estado mental singular é alcançado, geralmente, por meio da indução de um intenso relaxamento corporal. A partir disso, todas as sugestões de melhora são profundamente implantadas na mente.

Por exemplo: Após um relaxamento corporal e posterior focalização mental, você passa a visualizar-se desempenhando alguma tarefa de forma viva e clara.

Nesse cenário, você está apto a evocar emoções e sentimentos que normalmente sente, mas com a vantagem de poder alterar essa realidade e implantar sugestões que te beneficiam, tais como: aumento da concentração, memória, prazer, foco, aprendizagem acelerada, segurança, etc., podendo reduzir ou eliminar estados de medo, impulsividade e ansiedade.

É importante saber que, somente com dedicação e treino é possível alcançar estados intensos do transe. Sendo que, cada vez que você exercita, torna-se mais fácil e rápido voltar a esse estado mental. A auto-hipnose está disponível para todos como uma excelente ferramenta de melhora da performance emocional e autocontrole, e o melhor: uma vez aprendida, você mesmo passa a ser o condutor, ou seja, o agente ativo de sua própria transformação emocional.

Este texto foi apenas uma apresentação da ferramenta, as utilidades são diversas; nos focamos na potencialização da visualização. Caso você tenha dúvidas ou queira saber mais, deixe nos comentários.

Assim, podemos tratar mais deste, e de outros assuntos, de forma mais completa e detalhada.

@psicologiafinanceira te deseja um estado de altíssima concentração!

Alta Ansiedade = Baixo Desempenho

Nesta semana falaremos sobre uma das emoções que mais influenciam os operadores do mercado financeiro: a ansiedade.

Este sentimento é essencial para um bom desempenho, quando na medida correta e desastroso quando em excesso. No livro “Inteligência Emocional”, o autor e psicólogo Daniel Goleman explicita como a ansiedade nos afeta. Ele exemplifica como a ansiedade decorrente do excesso de preocupação prejudica o intelecto.

Segundo o autor, controladores de tráfego aéreo quando tomados por alta ansiedade crônica (longa duração) ainda no treinamento, é previsão quase certa de fracasso na profissão. A analogia para o cenário do mercado de financeiro é certa, principalmente, no caso de daytraders, situação onde ansiosos também possuem maior probabilidade de falhar.

O principal combustível da ansiedade é a preocupação excessiva. Esta diminui o desempenho, já que os recursos mentais despendidos no ato de “se preocupar” mina as energias intelectuais necessárias para cumprir a tarefa com eficácia. Ou seja, a preocupação excessiva em acertar a operação pode estar inviabilizando o cumprimento do seu objetivo. Pense nisso!

Por fim, é interessante saber que a curva “ansiedade x desempenho” apontada pela literatura clássica em psicologia aponta o desenho como um “U” invertido.

Assim, um grande rendimento envolve uma dose baixa de ansiedade, chamada de “ansiedade antecipatória”. É este sentimento de euforia branda que nos faz querer sair da cama e encarar nossas tarefas com entusiasmo, elevando o estado de espírito. Um estado de completa falta de ansiedade faz com que a pessoa se torne apática frente aos desafios.

O que precisamos sempre é focar no equilíbrio da ansiedade!

Caso você tenha dúvidas ou queira saber mais, deixe nos comentários.

Assim, podemos tratar mais deste, e de outros assuntos, de forma mais completa e detalhada.

@psicologiafinanceira te deseja uma ansiedade equilibrada e uma mente cada dia mais positiva!

Billions e Meditação

Você já assistiu Billions”?

Esta aclamada série da “Showtime” estreada em 2016 ganhou destaque por ter como contexto principal, o concorrido Mercado Financeiro americano. A trama gira em torno do procurador de justiça, Chuck Rhodes (Paul Giamatti) e o brilhante gestor de um fundo bilionário, Bobby “Axe” Axelrod (Damian Lewis). Apesar de rivais, ambos são reconhecidamente os melhores em suas respectivas profissões. Outro ponto em comum aos dois aparece já no primeiro episódio da série: ambos são praticantes de meditação. Diversas modalidades meditativas ganham adeptos a cada dia, principalmente no mundo corporativo.

Não é por acaso que essa prática foi mostrada na série. Em entrevista à rede “ABC News”, Brian Koppelman relatou que ele e os outros dois produtores da série praticam meditação duas vezes ao dia. Segundo ele, um dos maiores benefícios dessa atividade é a redução drástica dos níveis de ansiedade e, consequentemente, o ganho de foco e energia para realizar as tarefas de forma mais eficaz.

Existem várias modalidades e tradições meditativas. Hoje vamos falar sobre a prática “Mindfulness” (Atenção Plena). Criada pelo Prof. da Universidade do Massachusetts, Jon Kabat-Zinn, a meditação mindfulness se diferencia por divergir do contexto religioso, ou seja, apresenta-se como uma ferramenta de melhoramento de performance aplicada a qualquer pessoa, independente da religião ou sistema de crenças do praticante.

Atualmente já existem psicoterapias, como a Terapia Cognitiva-Comportamental, que associam o mindfulness como ferramenta de promoção de mudanças positivas. Entre os benefícios da prática diária descritos na literatura científica estão: diminuição dos níveis de stress e ansiedade, aumento de atenção e foco em tarefas, redução de pensamentos negativos, entre outros. A sensação de “estar presente” e viver integralmente o momento presente é extraordinária.

No mercado financeiro, onde ter equilíbrio emocional é fundamental, os benefícios são notáveis. Pense no ganho para os “Day Traders”, os quais necessitam de atenção plena durante as operações. Também àqueles que necessitam reorganizar e replanejar as economias pessoais, fase que requer alto nível de comprometimento e controle emocional para suportar algumas privações.

E você? Como anda seu emocional?

Comente se já conhece alguma prática. Fale sobre os principais limitantes da sua performance. Deixe suas dúvidas e sugestões para os próximos textos. Obrigado e bons trades! Celso Sant’Ana

 

Rolar para cima